Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Guardando coisas



Segunda-feira, 16.01.12

Adeus Zé.

Via-te e sabia-te cada vez mais fraco mas o aperto de mão que ainda ontem demos parecia-me conter forças que me faziam acreditar que não partirias tão depressa. Partiste afinal abreviando um sofrimento longo que nunca mereceste. Agradecias-me os breves momentos em que te visitei e agradecer-te-ei sempre o previlégio de ter tido como amigo. Obrigado Zé António.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por guerrilheiro às 00:23



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Janeiro 2012

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Posts mais comentados