Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Guardando coisas



Domingo, 24.03.13

...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:36

Domingo, 24.03.13

...

quase perfeito

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:35

Domingo, 24.03.13

...

Diana e Carolina

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:33

Domingo, 24.03.13

...

Há gnomos

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:32

Domingo, 24.03.13

...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:31

Domingo, 24.03.13

cadeira do poder

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:30

Domingo, 24.03.13

...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:27

Domingo, 24.03.13

...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:27

Domingo, 24.03.13

...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:26

Domingo, 24.03.13

mais a TINA

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:25

Domingo, 24.03.13

...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:25

Domingo, 24.03.13

o Avô francisco, o tio Chio E o tio Filipe

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:23

Domingo, 24.03.13

Boas Companhias

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:20

Domingo, 24.03.13

...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:19

Domingo, 24.03.13

...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:17

Domingo, 24.03.13

Soldado 125


Soldado 125
O teu coração parou demasiado cedo. Estavas na tua casa .Lembras-te de quantas vezes brincávamos contigo dizendo que te ia-mos internar num lar? Sabíamos que isso te chateava tremendamente, sempre recusaste essa possibilidade .Todos nós os teus 9 filhos vivos, que a Teresa já partiu antes de ti ,desejávamos que só reencontrasses a mãe muito mais tarde , lamentavelmente o teu corpo não deixou que assim fosse.
Sabes que cada um de nós . cada um por si ,nos recordamos de ti tantas vezes e que não são raras as vezes que temos de dar um apoio extra aquele que de nós sente de momento umas saudades mais intensas?
Sabe que me lembro de quando te sentavas a mesa da nossa casa em Barrancos e ajudavas a redigir cartas e pedidos com atua letra bonita a tantos que recorriam à tua boa vontade á tua capacidade apesar da farda de GNR ,profissão que abraçaste depois de uma juventude bem sofrida?
Sabe que me lembro do orgulho que lhe iluminava os olhos quando contava que tinha sido o único GNR a multar um dos agrários todo poderosos daquela terra , a mesma coragem com que abandou a GNR em discrodância com o processo como esta interveio na entrega de terras da Reforma Agrária aos latifundiários alentejanos?
Só uma pessoa atá hoje me disse que lhe havia dado uma bofetada mas essa pessoa não se esqueceu de dizer que foi merecida.
E os três dias que passou a aconselhar-me quando vim trabalhar para o barreiro ainda com 15 anos? Toma cuidado nem apanhes papeis do chão, olha que fulano apanhou pensando que era sobre futebol ou para a tourada e foi preso? Toma cuidado repetiu vezes sem conta…
Não valeu de nada acabei por exercer a minha actividade cívica e politica bem cedo , mas sei que o pai não se chateou afinal tambem acabou por ser dirigente politico e desportivo local .
Gostando tanto de touro como gosto só posso sorrir quando me lembro do medo que tinhas quando estavas de serviço ás touradas de Barrancos mas esse medo não te impediu de ajudar corajosamente as vitimas da queda da praça de touros da Amareleja e isso valeu-te um louvor da GNR.
Talvez o teu declínio fisco tenha começado quando os fascistas de Barrancos se viraram contra ti. No final o pai saiu bem desse processo, todos nós ficámos a ganhar coma mudança a que te obrigaram mas atua saúde nunca mais foia mesma.
As recordações são tantas quase todas boas e hoje estão vivas como nunca.
Queria que pudesses ter conhecido a Carolina, perceberias como vejo nela traços teus que tambem herdei.
Não é possível, mas se estiveres em algum lado com a mãe talvez saibam que para a vossa campa escrevemos a amor prosas e versos bonitos que depois trocámos por uma síntese perfeita: Orgulhamo-nos dos pais que tivemos.
Até sempre pai.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por guerrilheiro às 09:15

Domingo, 24.03.13

A lei tonta

A lei tonta
“A lei foi feita sem qualquer estudo e não há nada pior que fazer uma lei destas sem primeiro se conhecer rigorosamente o que estamos a tratar. Se assim não for estamos mal, dá burrice pela certa”. Foi mais ou menos assim que um professor catedrático se expressou no encontro promovido pela ANAFRE sobre as leis para a extinção das freguesias.
Que não houve estudo, pelo menos digno deste nome já sabíamos, como poderia haver se o ministro não frequentou essas aulas mas apenas usou as célebres equivalências?
“Ouço por aí dizer que querem extinguir 1167 freguesias. É falso, são cerca de 2000 pois quando se juntam 2 ou três freguesias são duas ou três que acabam, não uma. É criada outra em sua substituição mas primeiro extinguiram as outras duas ou três , são cerca de 2000”, sublinhava com toda a enfase o professor
É verdade que no deve e haver serão reduzidas 1167 ao numero atual de freguesia mas o professor tem razão , são mesmo cerca de 2 milhares as freguesias que desaparecerão se esta lei tonta for efetivamente aplicada.
A análise a esta lei tonta continuou com mais uma denúncia. _
-Dizem para aí alguns analistas que há freguesias a mais .Não é verdade. Oitenta por cento dos concelhos tem menos de 20 freguesias. Aqui no distrito de Setubal há uma média de 6 freguesias por concelho. É muito? Muitos falam de Barcelos que tem dezenas de freguesias e é verdade, mas só 11 concelhos tem mais de 20 freguesias .É muito? E temos de ir ás razões históricas para perceber estas coisas. Sabemos todos que as freguesias nasceram das antigas paróquias e é evidente que essa realidade histórica é muito diferente se os concelhos se situarem a mais a norte que a sul.
É tonta uma lei que coloca em pé de igualdade para este efeito um concelho como Lisboa com outro do interior do país. As pessoas que neles vivem não tem as mesmas possibilidades. Nem os rendimentos são iguais, nem a rede de transportes , nem a acessibilidade aos diversos serviços necessários á vida quotidiana. Não faltaram por isso contributos vindos dos autarcas do distrito que demonstravam sobejamente o erro que é persistir em querer impor uma lei que só vai afastar as pessoas dos seus eleitos e diminuir drasticamente os seus direitos de participação e cidadania.
As ruas do país continuarão a ser o cenário mais visível do combate para travar esta lei ,mas esta batalha, desnecessária se o bom senso politico e a vontade democrática imperassem para os lados de Belem e S.Bento, as barras dos tribunais com as freguesias a mover ações e providencias cautelares, também será travada nas barras dos tribunais com as ações e providencias cautelares que as freguesias aí vão interpor.
Talvez num futuro mais imediato não seja descabida uma das sugestões pronunciadas no encontro da ANAFRE:
A primeira medida dos programas dos partidos políticos às eleições autárquicas que se realizarão provavelmente em Outubro deveria ser reformar esta reforma.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:12

Domingo, 24.03.13

Que venham os Russos?

Que venham os Russos?
Um dia destes já não conseguiremos fechar os olhos para dormir de tanto os arregalar de espanto perante as novidades com que, em velocidade vertiginosa, nos apresentam quase diáriamente .
Ainda não encaixámos e muito menos conseguimos engolir os cortes nos salários subsídios e pensões, as taxas de solidariedade e principalmente os números brutais do desemprego e já estamos a descobrir que ainda há quem tenha a vergonha de ir mais além e não só proponha como aproveite efetivamente o silêncio do fim de semana para roubar, oficial e internacionalmente é claro, uma percentagem significativa dos valores que alguns, seguindo os mais avisados conselhos que durante anos exortaram à poupança, conseguiram juntar para prevenir as contrariedades da vida ou para outro fim qualquer que quisessem vir a dar ao seu dinheiro. É do dinheiro das pessoas que se trata, do dinheiro que custou a ganhar e que patrioticamente guardaram no seu país em vez de o colocarem em países estrangeiros ou em off shores como muito fácilmente poderiam ter feito. Tiraram assim ao fim de semana sem aviso prévio, sem qualquer discussão uma percentagem desse dinheiro só pode ser classificado de roubo.
Acontece no Chipre, como podem prometer que não acontecerá por cá? Como podem os incumpridores de promessas e previsões que hoje nos governam querer que acreditemos neles e que isso não poderá acontecer aos nossos cidadãos que tiveram a sorte ou o saber de conseguir amealhar alguma coisa que jeito tenha?
Quando um antigo ministro como Daniel Bessa afirma que estamos todos a tentar evitar a bancarrota, ou quando Eduardo Catroga afirma que a nave do Eurogrupo vai louca, ou ainda quando o próprio Presidente da Republica afirma que estamos numa espiral recessiva contrariando os ministro Vitor Gaspar e afirmando que a Europa está a seguir por caminhos perigosos como podem querer que acreditemos em qualquer promessa que nos façam?
Nem todo o dinheiro agora penalizado no Chipre terá sido amealhado de forma honesta, e não hesitam alguns em apontar o dedo aos Russos, mas são estes mesmos Russos que agora parece proporem a resolução dos problemas financeiros cipriotas propondo-se pagar o resgate e aumentar os empréstimos que haviam concedido aquele país. Em troca parece não pedirem mais sacrifícios ao povo de Chipre mas sim os direitos de exploração das jazigas de gás natural que esse país possui.
São dois mundos diferentes, duas maneiras de resolver a situação diferentes e é nessa pequena ilha de 800mil habitantes que se dá esta guerra financeira que obrigará muito boa gente a pensar no que anda a fazer e no que quer que a Europa se torne num futuro próximo, e os cipriotas a ter de dicidir que caminho seguir sendo claro que os sentidos são bem opostos.
Ainda não ousaram em Portugal propor medidas de semelhante calibre mas se olhar-mos ao que da Europa nos exigem e ao abandono dos Estados Unidos estão a fazer da base das lajes nos Açores talvez não falte quem pense que o melhor era recorrer á ajuda russa criando assim um conflito social contra o qual se levantam mais vozes de gente dita importante.
Trata-se de mera especulação já que os russos não fizeram qualquer proposta do género a Portugal não poderemos optar assim por essa direcção mas é mais que seguro que na direcção para que nos empurraram todos estes anos não poderemos continuar e se Chipre vem ensinar alguma coisa é que há sempre alternativas , nem que seja a Russa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:09

Domingo, 24.03.13

Novo Ignoro para o barreiro

Mais um IGNORO para o Barreiro
Há algo de similar com as crianças. Primeiro geramo-las, depois acompanhamos o seu crescimento no útero da mãe , muitas vezes classificamos como gravidez de risco e muitos partos até são mesmo partos de alto risco, até que for fim nascem. Gostamos sempre delas quando nascem. Tão bonitos, tão fofinhos, tão queridos tal e qual a cara do pai dizemos tantas vezes. Então sim começam as verdadeiras preocupações: quem vai ser, que pretenderá fazer, que objectivos terá e quais conseguirá de facto realizar ao longo da sua estadia na terra?
O nome próprio que lhes damos pouco importa , já o apelido pode dizer algo aos mais atentos, identifica uma família, traz uma história e um passado que nos pode dar pistas de qual será o seu caminho no futuro.
Estamos, os portugueses, aqui. Enchemos ruas, praças e avenidas. Gritámos bem alto a nossa indignação. Lutámos nas empresas, nas repartições e nas instituições. Exigimos mudar para caminhos que nos afastem do abismo e eis que agora já de declara que chegou a hora da mudança.
Como nos bebés ainda não sabemos ao certo quando vai nascer, sabemos contudo que se vai chamar Moção de Censura e que reconhecerá o apelido Partido Socialista como seu.
Pode não ser um parto difícil mas lá que é demorado disso não restam duvidas, muitas vezes hesitaram estes pais, muitas vezes se terão questionado se iriam ou não parir esta criança e se a teriam com um parto provocado ou se simplesmente aguardariam de forma serena que lhes viesse cair nos seus braços.
O clamor vindos das ruas fez apressar as coisas e Moção de Censura conhecerá um dia destes a luz do dia.
Mas e depois que fazer com ela? Apresentar-lhe a nova família, novos padrinhos, novos tios e os muitos primos e primas que costumam aparecer nestas ocasiões de festa para comer nem que seja as migalhas dos bolos? Claro que sim , mas que projectos de vida teraá , que fará no pais e pelo pais? Mudará alguma coisa , poderá mudar ou quererá de facto mudar oq eu encontrou? Ou embevecida pelos elogios à sua beleza e aprovada a sua presença saltitará entre as bermas mas sem mudar efectivamente o caminho que foi calcado por outros pés, também da sua família?
Para o Barreiro que trará a aprovação da Moção de Censura? Se ela acarretar novas eleições e e destas resultar a instalação de um novo governo da família do Partido Socialista que projectos terá para o Barreiro? Será retomado o projecto da TTT e das oficinas do TGV? Será retomado o projecto da Quimiparque? A estação dos barcos mudará para a Quimiparque? Que desejam e que farão?
E para a região? A avançarão com o projecto do novo aeroporto em Alcochete?
E para o país? A regionalização irá avançar final e definitivamente? Acabará a submissão à troika?A extinção das freguesias será travada? O desemprego terá um combate eficaz que o faça retroceder para valores bastante mais inferiores que os desastrosos números actuais?
A criança vai nascer, dará pelo nome de Moção de Censura Partido Socialista . Não sabemos nada, rigorosamente nada do que lhe reserva o futuro .Bom seria que fosse capaz de mudar efectivamente o rumo de Portugal e não se limitasse a ser bonita, fofinha querida e amorosa.
Mas olhando para o seu nome de família e para quem a apresentou ao mundo terá um crescimento que merecerá o olhar muito atento e um acompanhamento muito próximo de todos nós.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por guerrilheiro às 09:06


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Março 2013

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Posts mais comentados